Skip to content
PUBLICIDADE

Luto! Famoso Jornalista perde a luta contra a covid-19 aos 56 anos

PUBLICIDADE

Os jornais do grupo Globo, e outras publicações, lamentaram hoje a morte do jornalista  Aloy Jupiara. O profissional tinha apenas 56 anos e não resistiu as complicações da covid-19. Jupiara estava internado desde o dia 29 de março, segundo a família.

O jornalista construiu um currículo extenso em uma carreira de grandes destaques. Aloy trabalhou como repórter do jornal O Globo, também foi editor executivo da versão digital do jornal e também do Extra, onde também foi gerente de inovação digital.

Outra atuação de grande destaque de Jupiara foi a parceria com o também jornalista Chico Otávio. Juntos, os dois escreveram a biografia não autorizada de Eduardo Cunha. Também como escritor e com parceria de Chico Otávio, escreveu “Os porões da contravenção”, um livro que fala sobre a relação entre a ditadura militar e o jogo do bicho.

PUBLICIDADE

Atualmente, Aloy era editor-chefe do jornal O Dia. Jupiara era formado pela Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Nos últimos meses, Aloy também esteve envolvido com um documentário sobre Castor de Andrade, bicheiro de grandes conexões. O filme esta disponível na Globoplay.

PUBLICIDADE

A família do jornalista confirmou que ele esteve internado desde o dia 29 de março. Aloy chegou a apresentar melhora no quadro durante a internação, mas não resistiu as complicações causadas pelo vírus, segundo a família.

Jupiara não era casado e não teve filhos. Ele deixa irmãos e sobrinhos. Não foram divulgadas informações sobre o sepultamento.

Via: g1.globo.com

PUBLICIDADE