Skip to content

Golpe aplicado pelo WhatsApp faz falsas promessas e dissemina vírus

O aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp, o mais popular e usado hoje em dia, é uma ferramenta formidável, que facilita a vida de pessoas e empresas. Contudo, infelizmente há quem se utilize desse instrumento para causar problemas e aplicar golpes.

PUBLICIDADE

A empresa startup de segurança PSafe emitiu um alerta na sexta-feira, dia 27 de julho, informando que tem circulado recentemente, via WhatsApp, um novo golpe que tem prejudicado muitos usuários.

O golpe consiste no seguinte: uma espécie de anúncio oferta cerca de até 20 GB de Internet gratuita, por um período de até 60 dias, para usuários de absolutamente qualquer operadora de telefonia móvel em todo o território brasileiro.

Quando o usuário clica no link indicado, ele é então direcionado para uma página falsa, que exibe um número fictício de quantidade de pacotes gratuitos disponíveis para que o indivíduo selecione aquele que deseja.

Ao terminar o questionário, o sujeito é informado de que necessita efetuar o compartilhamento do conteúdo com pelo menos 3 amigos e grupos de WhatsApp.

Em seguida, uma página aparece no celular da pessoa e informa supostos problemas que estão ocorrendo no aparelho. Para solucionar esses problemas, o sujeito necessita realizar o download de alguns aplicativos, todos eles maliciosos e que acabam instalando vírus nos dispositivos.

PUBLICIDADE

Um tanto antes do início da Copa do Mundo de 2018, um golpe parecido prometia ao usuário uma camisa da seleção brasileira de forma totalmente gratuita. Esse golpe era igualmente espalhado pelo WhatsApp e, assim como o outro, consistia também em instigar as pessoas a compartilharem um link no aplicativo.

De acordo com um alerta emitido pela Kaspersky naquele momento, o golpe funcionava de modo diferente para Android e para iOS.

No sistema do Google, aparecia uma página completamente falsa, dizendo que o celular estava infectado por vírus e que, por essa razão, era necessário realizar a instalação de um aplicativo. Esse tipo de prática é chamado de phishing e sua principal forma de atuação é lançar iscas para tentar ludibria usuários desavisados.

O WhatsApp é um aplicativo muito visado pelo criminosos cibernéticos pois os usuários espalham vírus com uma enorme facilidade ao compartilhar mensagens e porque é extremamente popular no país.

Como evitar cair em golpes via WhatsApp?

É necessário tomar-se muito cuidado com toda e qualquer informação veiculada em qualquer lugar, sobretudo em redes sociais e WhatsApp, onde praticamente não há filtro algum das informações.

Dê uma olhada nas dicas para ajuda você a não cair em golpes pelo WhatsApp:

  • Desconfie de promoções e coisas “gratuitas” que forem encaminhadas por mensagem. Isso não quer dizer que absolutamente todas as mensagens são fraude, mas é fundamental checar as informações antes de qualquer coisa.
  • Preste atenção no formato da mensagem. Se tiver erros de português ou solicitar compartilhamento, desconfie!
  • Evite ao máximo e tome cuidado ao fornecer informações cadastrais nessas promoções falsas. Eles usarão essas dados para invadir contas de e-mail, contas bancárias, etc.
  • Instale um bom antivírus. Esses aplicativos impedem que seu celular seja contaminado e invadido, mantendo os seus dados  bem seguros e protegidos.