Skip to content
PUBLICIDADE

Paulo Guedes é vacinado contra a covid-19 com dose de imunizante chinês

PUBLICIDADE

A passos muito lentos, a vacinação avança no Brasil. O avanço tem respeitado, em boa parte dos municípios, as diretrizes determinadas no plano nacional de vacinação. Isto é, priorizando os grupos de prioritários, conforme recebem as doses.

Nessa fase da vacinação, idosos com 70 anos já começam a receber as doses. A vacinação avança dos mais idosos para os mais jovens, reduzindo a faixa-etária conforme as doses são distribuídas. Por isso, o ministro da economia, Paulo Guedes, pôde receber sua dose.

Aos 71 anos, Guedes compareceu ao estágio Mané Garrincha, em Brasília, para receber a primeira dose da vacina. O momento foi registrado e fotos circulam na internet. Ao G1, Guedes adotou um tom positivo e afirmou “vamos vacinar bastante”.

PUBLICIDADE

Guedes afirmou que recebeu a orientação do ministro da saúde, Marcelo Queiroga, para que divulgasse que recebeu a vacina. “Avise que você vai se vacinar, para dar o exemplo a todo mundo”, disse Queiroga, de acordo com Guedes.

O Ministro da Economia afirmou ainda que a meta do governo é vacinar 1 milhão de pessoas diariamente. “E avise que nós vacinamos 800 mil pessoas ontem e que a meta dele é no início de abril vacinar um milhão de pessoas por dia”, disse Guedes, em referência ao que ouviu de Queiroga.

PUBLICIDADE

Guedes recebeu a primeira dose da Coronavac, vacina chinesa que conta com acordo com o Butantan e o governo do estado de São Paulo. O governo chegou a protagonizar situações diplomaticamente constrangedoras em relação ao imunizante chinês no ano passado.