Skip to content
PUBLICIDADE

Padre causa revolta ao falar da Covid-19: ‘As pessoas têm que se conformar que vão morrer’

PUBLICIDADE

Durante uma missa que aconteceu neste último domingo (21), na Paróquia da Ressureição, no Arpoador, localizada no Rio de Janeiro, as palavras do padre durante sua homilia causaram muita revolta nos fieis que acompanhavam a celebração.

O religioso identificado como Wellington fez duras críticas ao isolamento social revelou que tais medidas não ajudam nada e que mesmo com a vacina contra a Covid-19, “as pessoas têm que se conformar porque vão morrer”.

A reação das pessoas que estavam na igreja foi de perplexidade, algumas até aplaudiram as palavras do padre, enquanto outros fizeram questão de demonstrar toda a sua indignação com a falta de sensibilidade do religioso diante do número de novos casos e de mortes causadas pela Covid-19.

PUBLICIDADE

Testemunhas afirmaram que alguns fiéis saíram antes da celebração terminar, revoltados com o negacionismo do padre quando o Rio de Janeiro enfrenta o colapso na saúde assim como tantas outras cidades espalhadas pelo Brasil.

Entre as pessoas que assistiam a missa esta uma médica que ficou triste com o que ouviu, segundo ela o padre estava prestando um desserviço a comunidade e à saúde pública.

PUBLICIDADE

Vale ressaltar em todo o Brasil milhares de pessoas estão na fila de espera de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), para ter uma chance de sobreviver. Os relatos desesperados dos familiares que estão vendo aqueles que amam morrendo sem atendimento é de cortar o coração. Enquanto não houver vacinas para uma imunização em massa a única medida que pode salvar vidas e conter o avanço da pandemia é o isolamento social.