Skip to content
PUBLICIDADE

Mãe de 25 anos morre por Covid após o parto; marido relata sofrimento: ‘Foi piorando muito rápido’

PUBLICIDADE

A vida do casal Danilo Antunes e Tayna Alves mudou de cabeça para baixo quando, meses atrás, descobriram que se tornariam pais. O casal estava morando junto há 3 anos, mas planejava ter filhos apenas daqui a dois anos.

A notícia foi uma surpresa mas, com o passar do tempo, ambos acabaram se apegando a ideia da chegada do filho. A gestação aconteceu de forma tranquila e ambos estavam empolgados com o nascimento do bebê, mas Tayna infelizmente contraiu a covid-19 na reta final da gravidez.

Danilo lembra que tudo aconteceu de forma muito rápida, a doença evoluiu de forma muito rápida. Tayna contraiu a covid e também desenvolveu diabetes gestacional, uma combinação de problemas que a fez precisar de acompanhamento médico.

PUBLICIDADE

Uma semana depois de testar positivo, Tayna começou a ter febre e precisou ser levada ao hospital, quando foi constatada uma baixa saturação. Os médicos julgaram que o melhor era realizar a cesárea, para proteger a criança, mas também melhorar as chances de recuperação de Tayna.

Danilo relata os momentos de medo que se sucederam a cirurgia:

PUBLICIDADE

Após o parto, ela estava bem, foi para o quarto, mas, no outro dia, começou a piorar. Falou que estava com falta de ar. E foi piorando muito rápido. Na madrugada, ela me mandou mensagem dizendo que seria intubada, falando para orar por ela

Infelizmente, Tayna não resistiu e morreu em decorrência da covid-19. Ela chegou a ser intubada e realizou tratamento com ECMO, mas não resistiu. O bebê, que nasceu prematuro, ainda precisa receber alta.

 

Via: revistacrescer.globo.com

PUBLICIDADE