Skip to content

Escorpiões matam mais que cobras no Brasil

jul 9, 2018

No topo do ranking de animais peçonhentos que mais matam no país, o escorpião ultrapassou as serpentes e foi responsável por 184 mortes em 2017, segundo dados do Ministério da Saúde. No mesmo período, foram registrados 105 casos de morte por veneno de cobra. Os estados de São Paulo e Minas Gerais demonstram uma situação bastante alarmante nas tabelas divulgadas pelo Ministério. Ambos registraram 26 e 22 mortes por picada do animal, respectivamente.

Na maioria dos casos, as picadas acontecem nas mãos ou nos pés e são seguidas de dor intensa no local, que costumam expandir para os membros. Vermelhidão, inchaço e febre são sintomas que podem aparecer e são considerados leves. Nos casos mais alarmantes, o quadro pode evoluir para náuseas, vômitos, sudorese e salivação excessivas, taquicardia, dor abdominal, agitação, perda do controle cognitivo, insuficiência cardíaca, choque e edema pulmonar.

Em caso de ferroada, recomenda-se procurar o serviço de saúde mais próximo, além de limpar o local da picada com água e sabão – desde que o procedimento não atrase a ida da pessoa ao posto de atendimento. Torniquete, curativos ou aplicação de qualquer substância não devem ser feitos para não aumentar as chances de infecções.

De acordo com especialistas, o motivo principal da disseminação desses animais no país é a ocupação irregular e desordenada das cidades, junto a um saneamento básico precário e toneladas de lixo que são expostas no meio urbano.