Skip to content

Saiba por que a China proibiu a estreia do novo filme do Ursinho Pooh

As autoridades encarregadas da regulação cinematográfica da China negaram uma autorização para que ocorresse o lançamento de um novo filme produzido pela Disney sobre o Ursinho Pooh, chamado Christopher Robin, de acordo com a revista The Hollywood Reporter.

PUBLICIDADE

O governo da China não forneceu nenhuma explanação sobre o fato deles terem negado a permissão para a estreia do filme, mas a razão mais provável por trás disso que ela se constitua em uma parte de uma campanha nacional de censura começada no ano passado contra o Ursinho Pooh. Autoridades chinesas têm efetuado o bloqueio de tudo quanto é tipo de imagens do personagem em redes sociais após ele ter se tornado uma espécie de símbolo de dissidência política.

O  simpático personagem da Disney estava sendo utilizado em memes como uma forma de ironizar a figura política mais importante do país atualmente: o presidente Xi Jinping. Ao que supostamente parece, o tipo corporal do líder chines se assemelha ao do ursinho.

As comparações tiveram início em 2013, no momento em que uma imagem do presidente Xi Jinping caminhando ao lado do presidente estadunidense Barack Obama foi postada com uma imagem de Pooh andando em companhia do Tigrão.

PUBLICIDADE

No ano de 2014, houve uma série de compartilhamentos de uma imagem do presidente chinês Xi Jinping cumprimentando o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, imagem essa compartilhada em conjunto com uma imagem de Pooh com o burrinho Bizonho.

A partir do momento em que os memes passaram a conquistar popularidade, o censores chineses deram início a um bloqueio ostensivo de imagens, gifs e referências ao ursinho nas mídias sociais.

PUBLICIDADE

Em 2015, outra imagem do presidente, agora dentro de um carro oficial, ao lado de uma figura do Ursinho Pooh em um pequeno carro de brinquedo foi chamada de a “foto mais censurada da China” pela consultoria Global Risk Insights.

Agora em junho, a China aplicou um censura em cima do comediante John Oliver, que trabalha no programa Last Week Tonight, da HBO, pelo fato dele ter tecido críticas ao presidente chinês e citado a sensibilidade do líder com as comparações com o ursinho Pooh.

A Global Risk Insights fez uma avaliação de que a censura ao personagem possa estar ocorrendo pois as comparações com Xi Jinping são encaradas por Pequim como um “sério esforço para destruir a dignidade da Presidência”.

A revista Hollywood Reporter, todavia, rememora que apenas 34 filmes estrangeiros recebem autorização para estrear no país anualmente, e é bem mais provável que o mercado nutra um interesse muito maior por outros títulos cinematográficos.

O filme da Disney “Uma Dobra no Tempo” também foi impedido de estrear na China neste ano, porém os filmes Skyscraper, Missão Impossível: Efeito Fallout e Homem Formiga e a Vespa figuram entre as produções da Disney que foram lançadas no país.

O filme a respeito do famoso ursinho, Christopher Robin, é uma live action, ou seja, não é uma animação, mas sim filmado com atores reais – nesse caso, com o ator escocês Ewan McGregor e a atriz britânica Hayley Atwell.

O filme narra a história de Robin tendo um reencontro com o ursinho após ter atingido a fase adulta e redescobrindo a imaginação dos tempos de criança.