Skip to content
PUBLICIDADE

Caso Henry: pai faz novo desabafo ao lembrar do filho e emociona a muitos: ‘Muito difícil’

PUBLICIDADE

A morte do menino Henry Borel continua a gerar uma grande repercussão no Brasil inteiro. A criança de apenas 4 anos de idade morreu enquanto ainda estava no apartamento da mãe, Monique Medeiros, e do padrasto, o vereador e médico, Jairo Souza, conhecido como Dr. Jairinho.

Henry chegou à unidade de saúde já sem os seus sinais vitais. Um laudo foi realizado pelo IML (Instituo Médico Legal) e apontou que a criança morreu de hemorragia interna. Diversos ferimentos graves foram encontrados em seu corpo.

A mãe, Monique Medeiros, chegou a dizer as autoridades que acreditava na possibilidade de seu filho ter caído da cama. Porém, essa hipótese já foi descartada.

PUBLICIDADE

O pai de Henry, Leniel Borel, já disse por diversas vezes que está buscando por justiça no caso e que deseja compreender a morte de seu filho.

Através das redes sociais, ele fala das saudades que sente da criança e dos momentos que passou ao lado dela.

PUBLICIDADE

Recentemente, o engenheiro fez um desabafo, publicando uma foto de um final de semana que passou ao lado de Henry.

Na legenda, ele contou que se tratava de mais um sábado sem o menino e que é muito difícil acordar e saber que não irá poder abraçar o seu filho novamente. Além disso, comentou que os seus dias jamais serão iguais sem o Henry. Finalizando, reforçou o quanto amaria o seu príncipe.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Leniel Borel de Almeida Junior (@lenielborel)

PUBLICIDADE