Skip to content

Palmeiras 3 x 1 Cruzeiro: gols, melhores momentos e detalhes da partida

Palmeiras e Cruzeiro se encontraram neste domingo, 30/09/2018, pela 27ª rodada do Campeonto Brasileiro Série A. O jogo aconteceu às 11h (horário de Brasília) no Pacaembu, em São Paulo.

PUBLICIDADE

Após o enfrentamento de meio de semana, pela Copa do Brasil, a partida deste domingo prometia pegar fogo. Infelizmente naquele momento acabou em cenas lamentáveis, com muitas promessas de revides e ânimos exaltados para o confronto deste domingo.

Embora os dois viessem com times alternativos, o jogo ainda prometia ser bom. No primeiro tempo, o Palmeiras foi melhor dentro de campo, o que refletiu no placar. Logo aos 22 minutos, Lucas Lima pega sobra e manda cruzado para abrir o placar. Pouco tempo depois, porém, lance polêmico: o zagueiro Gustavo Gómez põe a mão na bola fora da área, mas o árbitro marca pênalti. Mancuello bate e deixa tudo igual. Só que o Palmeiras não se entregou e foi atrás. Dudu coloca bola na área e Hyoran aproveita, mandando para o fundo das redes: 2 a 1 Palmeiras no final da primeira etapa.

Com este resultado, os palmeirenses assumiam a liderança momentaneamente, já que os adversários na briga pelo título jogam só à tarde. Com isso, o time continuou ligado na partida, embora um pouco menos na segunda etapa. Aos 19 minutos, aliás, o árbitro marcou novo pênalti em jogada de mão, agora para o Palmeiras. O zagueiro Gustavo Gómez bateu e ampliou o placar.

E assim terminou a partida: Palmeiras 3 a 1 em cima do Cruzeiro, aliviando um pouco a dor sofrida com a eliminação na Copa do Brasil e assumindo a liderança provisória. De fato, os paulistas fizeram um jogo melhor que os seus rivais e mereceram o placar. A única cena desnecessária foi de Deyverson, no final do jogo, provocando, o que quase gerou nova confusão após o apito final.

Ficha técnica:

Palmeiras 3 x 1 Cruzeiro

PUBLICIDADE

Palmeiras: Prass; Marcos Rocha (Mayke), Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Felipe Melo, Bruno Henrique e Lucas Lima (Moisés); Hyoran, Dudu (Willian) e Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Cruzeiro: Rafael; Ezequiel, Léo, Manoel e Marcelo Hermes; Ariel Cabral, Lucas Romero, Bruno Silva (Rafael Sobis) e Mancuello; David (Fred) e Raniel (de Arrascaeta). Técnico: Mano Menezes

Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (FIFA/PA), Helcio Araujo Neves (PA) e Heronildo Freitas da Silva (PA).

Cartões amarelos: Gustavo Gómez (29’ 1T), Felipe Melo (36’ 1T), Hyoran (18’ 2T), Deyverson (49′ 2T) e Moisés (49′ 2T) pelo Palmeiras. Mancuello (18’ 1T), Ezequiel (24’ 2T), Marcelo Hermes (38’ 2T), Fred (38’ 2T), Léo (42’ 2T) e Manoel (45’ 2T) pelo Cruzeiro

Público: 35.654 torcedores

Renda: R$ 1.260.130,00

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)

Melhores Momentos:

https://www.youtube.com/watch?v=TuUCa7z609A