Skip to content

Estudo revela quem são mais infiéis, os homens ou as mulheres, e resultado surpreende

A revista científica Psychological Bulletin divulgou recentemente um estudo que foi realizado para saber quem seria mais infiel, os homens ou as mulheres. Por muito tempo, as pessoas acharam que o sexo masculino era o que mais traía, mas o tempo foi passando, elas foram se soltando, ganharam seu espaço, e surgiu a desconfiança de que o jogo poderia ter virado.

PUBLICIDADE

Esse estudo contou com a participação de 45 mil pessoas, e o resultado apontou que a grande maioria dos homens já traiu. Porém, 38% da mulheres admitiram que já ficaram com outro durante um relacionamento.

Para essa pesquisa, foi considerado como traição o fato da pessoa ter ido com outra para a cama. A grande maioria dos entrevistados, entre homens e mulheres, disse que já traiu mais de uma vez.

Uma psicóloga chamou a atenção para o fato de que, apesar da maioria que traiu ser masculina, é grande a porcentagem de mulheres que já ficaram com outra pessoa durante um relacionamento, o que mostra que elas estão menos inibidas no que diz respeito à intimidade e infidelidade.

Mas o que varia muito são os motivos que levam uma pessoa a trair, independente de ser homem ou mulher. A pessoa pode achar que o relacionamento está monótono, pode ser por causa de uma briga ou mesmo a busca por algo novo.

Porém, esse estudo mostrou que há mais mulheres dispostas a perdoar a infidelidade do companheiro, do que o contrário. Os homens, em sua maioria, não conseguem esquecer que foram traídos e terminam de vez o relacionamento.

PUBLICIDADE